Próximo Evento

Notícias

THEATRO MUNICIPAL E PRAÇA DAS ARTES TÊM PROGRAMAÇÃO PARA QUEM NÃO QUER GASTAR NADA

THEATRO MUNICIPAL E PRAÇA DAS ARTES TÊM PROGRAMAÇÃO PARA QUEM NÃO QUER GASTAR NADA Sem Título-2

As apresentações acontecem em diferentes espaços dos prédios – desde as escadarias do Theatro até a marquise da Praça e a Sala do Conservatório, envolvendo vários grupos artísticos. Além das temporadas regulares, o Theatro Municipal de São Paulo e a Praça das Artes oferecem boas opções gratuitas ao público no mês de abril. A Orquestra Experimental…
Continue lendo »

Coral Paulistano Mário de Andrade participa da 1ª Jornada do Patrimônio

Coral Paulistano Mário de Andrade participa da 1ª Jornada do Patrimônio Coral Paulistano

O Coral Paulistano Mário de Andrade, grupo artístico da Fundação Theatro Municipal de São Paulo, apresenta quatro concertos gratuitos durante a primeira Jornada do Patrimônio. As apresentações acontecem no sábado (12/12), às 12h e 15h, e no domingo (13/12), às 11h e 14h, na Praça das Artes, na Sala do Conservatório. Ainda no domingo (13/12),…
Continue lendo »

História

O Theatro Municipal surgiu para a cidade de São Paulo como um grande símbolo das aspirações cosmopolitas do início do século 20. Cada vez mais refinada e com mais recursos provenientes do ciclo do café, a alta sociedade paulistana espelhava-se em valores europeus e desejava uma casa de espetáculos à altura de suas posses para receber grandes artistas da música lírica e do teatro.

Com incentivos fiscais e investimentos dos próprios barões do café, o arquiteto Ramos de Azevedo e os italianos Cláudio Rossi e Domiziano Rossi iniciaram a construção em 1903 e, em 12 de Setembro de 1911, o Theatro Municipal foi aberto diante a uma multidão de 20 mil pessoas que acompanhavam a chegada dos ilustres convidados.

A luxuosa construção, fortemente influenciada pela Ópera de Paris, foi considerada ousada para a época, com traços renascentistas e barrocos na fachada e, em seu interior, muitos adornos e obras de arte: bustos, bronzes, medalhões, afrescos, cristais, colunas neoclássicas, vitrais, mosaicos e mármores. São Paulo integrava-se, finalmente,  ao roteiro internacional dos grandes espetáculos.

Pelo palco do Theatro Municipal passaram as mais importantes companhias artísticas da primeira metade do século 20, que trouxeram a São Paulo nomes como Enrico Caruso, Beniamino Gigli, Mario Del Monaco, Maria Callas, Renata Tebaldi, Bidu Sayão, Arturo Toscanini, Camargo Guarnieri, Villa-Lobos, Francisco Mignoni, Magdalena Tagliaferro, Guiomar Novaes, Pietro Mascagni, Ana Pawlova, Arthur Rubinstein, Claudio Arau, Duke Ellington, Ella Fitzgerald, Isadora Duncan, Margot Fonteyn, Nijinsky, Nureyev, Baryshnikov, dentre muitos outros.

O Theatro foi também cenário de um dos principais eventos da história das artes no Brasil, a Semana de 22, que entre 11 e 18 de fevereiro de 1922 reuniu um grupo de jovens artistas que questionou os valores da arte e da cultura vigentes, nos campos da música, da escultura, pintura, poesia e literatura. Neste grupo estavam Mário e Oswald de Andrade, Heitor Villa-Lobos, Víctor Brecheret, Di Cavalcanti, Anita Malfatti, Plínio Salgado, Menotti Del Pichia, Guilherme de Almeida e outros que deram início ao movimento modernista brasileiro.

Nos mais de 100 anos de história, três grandes reformas marcaram as mudanças e renovações no Theatro. A primeira delas, em 1954, criou novos pavimentos para ampliar os camarins, reduziu os camarotes e instalou o órgão G. Tamburini; a segunda, de 1986 a 1991, restaurou o prédio e implementou estruturas e equipamentos mais modernos.

 Para celebrar o centenário, o Theatro Municipal de São Paulo passou pela terceira reforma, bem mais complexa que as anteriores, que restaurou o edifício e modernizou o palco. 
As fachadas e a ala nobre foram restauradas, os vitrais recuperados, as pinturas decorativas, com base em fotos antigas, foram refeitas e o palco foi equipado com modernos mecanismos cênicos, sem, entretanto, resolver os problemas de estrutura e espaço nos camarins e salas de ensaio, solucionados somente com a construção  e inauguração da Praça das Artes, que em 2013 passou a abrigar os grupos artísticos do Theatro e as escolas municipais de música e dança.

O Theatro Municipal de São Paulo foi transformado em 27 de maio de 2011 de departamento da Secretaria Municipal de Cultura a Fundação de direito público, com um corpo artístico formado pela Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo, Coro Lírico Municipal de São Paulo, Balé da Cidade de São Paulo, Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo, Coral Paulistano Mário de Andrade, Orquestra Experimental de Repertório, Escola Municipal de Música de São Paulo e pela Escola de Dança de São Paulo, e tendo como espaços o Theatro Municipal, a Central Técnica do Theatro Municipal e a Praça das Artes.

O Theatro Municipal de São Paulo mantém contrato de gestão com a organização social da cultura Instituto Brasileiro de Gestão Cultural.

Espaços

 

Informações e valores para locação de espaços, produções, acervos e grupos.

Locações

A Fundação Theatro Municipal de São Paulo disponibiliza espaços para locação no Theatro Municipal e na Praça das Artes.

Para mais informações, entrar em contato pelo e-mail: eventos.tmsp@leviskycultura.com.br.

Visitas Guiadas

Visitas Guiadas

Theatro Municipal de São Paulo e Praça das Artes

Entrada franca

Visitação 
para público espontâneo (capacidade para 50 pessoas, com o limite de 10 pessoas por grupo).

De terça-feira a sexta-feira: às 11h, 15h e 17h

Sábado e feriados: às 11h, 12h, 14h e 15h

Inscrições no local, a partir das 10h, por ordem de chegada, para todos os horários do dia.

Lotação por horário: 50 pessoas

Indicação etária: 10 anos

____________________________________

Municipal tim tim por tim tim: um áudio guia com tudo o que você queria saber sobre o Theatro Municipal, confira aqui

_____________________________________

Visitação
 para grupos

Acima de 10 pessoas, já consideramos visitação para grupo, sendo necessário um agendamento prévio, dentro dos seguintes horários:

De terça a quinta-feira: às 10h e 13h30

Sexta-feira: às 10h

Sábado: às 13h

Visitação em inglês

De terça a sexta-feira: às 11h e 17h

Sábado: às 12h

Lotação por horário: 50 pessoas.

Indicação etária: 10 anos

 

Para mais informações e agendamentos

T +5511 3053 2092/2093 

tmeducativo@theatromunicipal.org.br 

 

ATENÇÃO

Não há visitação às segundas-feiras e aos domingos.

A entrada na Sala de Espetáculos, de grupos e público individual, está condicionada à agenda de programação artística.

As visitas guiadas são gratuitas e fazem parte das Ações Educativas da Fundação Theatro Municipal, que têm como objetivo promover a educação patrimonial e a apreciação estética.

Restaurante

Santinho – Theatro Municipal de São Paulo

Praça Ramos de Azevedo, nº 01 – República – Theatro Municipal de São Paulo

Telefones: 11 3222-1683 e 3221-8061

Email para reservas: tm.reservas@restaurantesantinho.com.br

Capacidade: 82 lugares

Site oficial: Restaurante Santinho

Preços

De segunda a sexta: R$ 53 (por pessoa, não inclui sobremesa).

Sábado: R$ 68 (inclui sobremesas)

Crianças até 4 anos não pagam (desde que acompanhadas de um adulto, até 2 crianças por adulto).

Crianças de 05 a 10 anos pagam 50%.

 

Horário de funcionamento

Segunda a sexta-feira, das 10 às 17 horas (exceto dias de espetáculos, quando o restaurante fecha às 16 horas).

Buffet de almoço: das 12 às 15 horas.

Sábados: das 12 às 17h (exceto dias de espetáculos, quando o restaurante fecha às 16h).

Fecha aos domingos.

Fora do horário de funcionamento do buffet de almoço, oferece menu à la carte com lanches e bolos.

 

Formas de pagamento

CC: Amex, MasterCard, Visa, Diners

CD: Visa Electron, Maestro

Aceita cheques.

 

Não tem serviço de valet nem estacionamento.

Serviço de rolha: R$ 30.

Serve vinho em taça.

Possui adega climatizada com capacidade para 80 rótulos.

Não faz entrega em domicílio. Aceita reservas de grupos.

Não tem ar-condicionado. Tem wi-fi, acesso e banheiro para deficientes físicos (entrada pelo Theatro). Proibido fumar.

 

Site: www.restaurantesantinho.com.br

Instagram: @santinhorestaurante

Facebook: www.facebook.com/santinhorestaurante

 

Como Chegar

O Theatro Municipal fica na Praça Ramos, s/n°, no Centro de São Paulo – próximo à estação Anhangabaú do metrô.

 

Estacionamento

Valet Theatro Municipal

O Theatro Municipal oferece o serviço de manobrista na porta lateral direita do hall com acesso pela rampa para carros. Atenção: o valet está disponível apenas para espetáculos que acontecem no palco do Theatro na parte da noite (incluindo atrações  aos domingos, 17h).

Horário de funcionamento: a partir das 18h30 para espetáculos que começam às 20h e a partir das 15h30 para espetáculos que começam às 17h.

Valor: R$ 50.

Estacionamento na Praça das Artes

O público que visita o Theatro pode usar o serviço de estacionamento da Praça das Artes (acesso pela rua Conselheiro Crispiniano, 354.)

Horário de funcionamento: de segunda a sábado, das 7h às 22h; em dias de evento na Praça das Artes e no Theatro Municipal, o estacionamento funciona até 1h após o término do espetáculo.

Vagas: 180 vagas,  com oito vagas reservadas para idosos e seis vagas reservadas para portadores de necessidades especiais.

Valores: em dias em que não há evento, das 7h às 21h:  R$ 14 a primeira hora, R$ 3 as demais horas e R$ 20 a diária; em dias de evento na Praça das Artes e no Theatro Municipal, R$ 30 a partir das 19h; aos domingos, o estacionamento funciona somente em dias de evento e permanece a tabela de R$ 30.
Aceita todos os cartões das bandeiras VISA e MASTERCARD.O estacionamento é administrado pela Moving| Vinci Park

Receba informações sobre a programação do Theatro Municipal

Theatro Municipal

Praça Ramos de Azevedo, s/nº
Sé - São Paulo, SP
Ver no Mapa
Telefone 55 11 3053 2100
Bilheteria 55 11 3053 2090

Praça das Artes

Avenida São João, 281
Sé - São Paulo, SP
Ver no Mapa
Telefone 55 11 4571 0401

Adquira seus ingressos

Compre Ingressos
Lei de Incentivo
Ministério da Cultura
Patrocinador Mantenedor - série Terças e série Domingos II
Santander
Patrocinador - série Sábados I e série Sábados II
Bradesco
Copatrocinador
UOL
Execução
Instituto Brasileiro de Gestão Cultural - IBGC
Realização
Fundação Theatro Municipal de São Paulo Prefeitura de São Paulo Ministério da Cultura
Venda de ingressos
Compre ingressos
Agência de negócios e relações institucionais
Levisky Negócios & Cultura
Apoio
Ultra Haitong