Eventos


Escola Municipal de Música

Compromisso com o talento

Uma das mais renomadas instituições de ensino musical da América Latina, a Escola Municipal de Música de São Paulo é responsável pela formação de diversas gerações de músicos em atividade profissional no Brasil e em outras partes do mundo.

Foi fundada em 1969 pelo maestro e compositor Olivier Toni, atualmente é dirigida pelo prof. Dr. Branco Bernardes.

A partir de 2013 a Escola integrou-se à Fundação Theatro Municipal de São Paulo, e passou a se chamar Escola de Música de São Paulo.

O objetivo da Escola de Música de São Paulo é prover uma profunda e diferenciada formação musical, de modo que os alunos estejam aptos a atuar como instrumentistas ou cantores profissionais em orquestras, coros, grupos camerísticos, na área de correpetição ou na carreira solista.

Para tanto, a Escola oferece os cursos regulares de formação em música e as Oficinas e Cursos Livres abertos à comunidade. A Escola de Música de São Paulo oferece aulas individuais de instrumento, aulas coletivas teóricas musicais, bem como uma vivência musical ampla em Música de Câmara e grandes formações, por meio das aulas de prática coral e prática de orquestra nos grupos estáveis da escola.

Todas estas são atividades artísticas-pedagógicas abertas e gratuitas à comunidade e voltadas para a difusão da cultura musical do município de São Paulo.

 

CURSOS

A Escola de Música de São Paulo oferece à comunidade duas modalidades de ensino e formação musical. São eles os Cursos Regulares e as Oficinas/Cursos Livres.

Grade de Cursos da Escola de Música

 

Oficinas & Cursos Livres

A Escola de Música de São Paulo está com as seguintes oficinas e cursos livres vigentes:

 

Ateliê Contemporâneo

O Ateliê Contemporâneo tem como objetivo desenvolver atividades pedagógicas e preparar artisticamente alunos nas áreas de instrumento musical, regência, canto e composição para atuarem na performance do repertório musical dos séculos XX e XXI, estimulando uma postura criativa e um treinamento técnico especializado.

Docentes Tiago Gati e Leonardo Martinelli. Duração do curso de dois semestres.
Previsão para abertura de edital: fevereiro de 2020.

Oficina de Música Antiga

A Oficina de Música Antiga da Escola de Música de São Paulo tem como objetivo iniciar o desenvolvimento de aptidões necessárias à interpretação historicamente orientada do repertório dos séculos XVII e XVIII, tanto para cantores e instrumentistas solistas, quanto para as formações camerísticas referentes ao período.Fornece conhecimentos históricos e estilísticos para abordagem desse período, além de uma visão crítica que permitirá reflexões e análises conscientes sobre o repertório que estão interpretando.

Docentes Fernando Cordella, cravo; Marília Vargas, canto barroco e Juliano Buosi, cordas barrocas.

A oficina de Música Antiga tem duração de quatro semestres.
Previsão para abertura de edital: fevereiro de 2020.

Opera Studio

O Opera Studio da Escola de Música de São Paulo tem como objetivo principal o desenvolvimento e a preparação artística de jovens cantores líricos, assim como o aperfeiçoamento de suas habilidades musicais e cênicas, sempre estimulando a criatividade e o refinamento técnico.

Consta na grade curricular do Opera Studio da Escola de Música aulas de interpretação musical, interpretação cênica e expressão corporal voltadas à performance operística, além de consciência corporal para cantores líricos, história da ópera, idioma, fonética e prosódia musical, e ainda ensaios semanais com pianista correpetidor.

O Opera Studio tem duração de dois semestres.
DocentesDaniel Gonçalves; Gabriel Rhein-Schirato; Keila Bueno; Márcio Gomes.
Previsão para abertura de edital: fevereiro de 2020.

Teoria Musical Preparatória para Adultos

A Oficina é voltada para adultos com prática instrumental que possuam pouco ou nenhum conhecimento de Teoria Musical. Serão trabalhados os fundamentos de leitura rítmica e melódica, treinamento básico de percepção, noções de tonalidade, intervalos e tríades.

A oficina de Teoria Musical Preparatória para Adultos tem duração de um semestre;
Docente Mara Cimino
Previsão para abertura de edital: fevereiro de 2020.

Música e Expressões Audiovisuais

O presente curso livre tem como objetivo habilitar o aluno na realização de abordagens interpretativas sobre a música no discurso cinematográfico, de forma a ampliar sua compreensão tanto da música como do cinema.

Saiu a lista dos Candidatos Selecionados para o curso, estes devem preencher a ficha de matrícula no prazo.
Lista dos candidatos selecionados
Ficha de matrícula

Para mais informações, consulte o edital:
Edital da Oficina de Música e Expressões Audiovisuais
Docente Leonardo Martinelli.

Quartetos de Cordas da Escola de Música de São Paulo

A Oficina de Música de Câmara oferece 4 vagas de violino, 2 vagas de violas e 2 vagas de violoncelo, mediante processo seletivo, para a formação de dois quartetos de cordas da Escola de Música de São Paulo. A oficina permitirá o aluno conhecer e estudar o repertório específico desta formação.

A oficina de Quarteto de Cordas
Previsão de abertura, março de 2020.
Docente Dario Sotelo.

Oficina de Prática Orquestral

A Oficina de Prática Orquestral oferece vagas para instrumentistas integrarem, mediante processo seletivo, os conjuntos sinfônicos da Escola de Música de São Paulo. São eles: A Orquestra Sinfônica Jovem Municipal; Orquestra Sinfônica Infantojuvenil e a Banda Sinfônica da Escola de Música de São Paulo.

A oficina permitirá o aluno a realizar ensaios e apresentações nos espaços da Praça das Artes, Theatro Municipal de São Paulo e eventuais equipamentos culturais do município de São Paulo.

A oficina de Prática Orquestral tem duração de 1 semestre;
Previsão para abertura de edital: fevereiro de 2020.
Docentes Daniel Cornejo, Dario Sotelo e Érica Hindrikson.

Oficina de Música de Câmara

A Oficina de Música de Câmara oferece vagas para instrumentistas e cantores integrarem, mediante processo seletivo, os conjuntos de música de câmara da Escola de Música de São Paulo. A oficina permitirá o aluno a realizar ensaios e apresentações nos espaços da Praça das Artes, Theatro Municipal de São Paulo e demais equipamentos culturais do município de São Paulo.

A oficina de Música de Câmara tem duração de dois semestres.
Previsão para abertura de edital: fevereiro de 2020.
Docentes Hermes Jacchieri, Jorge Salim, Marta Vidigal, Mauro Domenech, Paulo Gazzaneo e Rosana Civile.

 

Processo Seletivo 2020

Processo Seletivo para os cursos regulares da Escola de Música para o ano letivo de 2020.

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo dos cursos regulares da Escola de Música de São Paulo, válidos para o ano letivo de 2020. Os cursos ofertados são totalmente gratuitos.

As inscrições estarão abertas até o dia 24 de novembro de 2019.

Para se inscrever e obter maiores informações sobre a prova e os cursos oferecidos é preciso ler o edital e preencher corretamente a ficha de inscrição disponíveis a seguir:

Edital para o Processo Seletivo EMSP 2020
Ficha de Inscrição

 

Grandes Conjuntos

Orquestra Sinfônica Jovem Municipal

A Orquestra Sinfônica Jovem Municipal foi criada em 3 de abril de 1968 pelo Decreto nº 7.429/68, graças à iniciativa política do Prefeito de São Paulo José Vicente Faria Lima e do Maestro Olivier Toni, seu primeiro regente. Nasceu com o objetivo de abrir novas perspectivas de atuação musical para jovens instrumentistas e promover o aprimoramento artístico daqueles que seriam os futuros integrantes da Orquestra Sinfônica Municipal.

Em 1990, a orquestra sofreu uma reformulação que resgatou sua função eminentemente pedagógica. Além da prática orquestral, ela tem possibilitado aos alunos e professores da Escola a atuarem no conjunto orquestral como solistas. Alguns compositores já escreveram obras exclusivamente para o grupo, trazendo aos seus integrantes uma posição privilegiada no cenário musical atual.

Regente Érica Hindrikson.

Orquestra Sinfônica Infantojuvenil

A Orquestra Sinfônica Infantojuvenil da Escola de Música de São Paulo foi fundada em 2002. O grupo foi criado com o objetivo de proporcionar aos alunos de 10 a 18 anos a primeira experiência musical de conjunto sinfônico, com um repertório eclético, dos grandes clássicos até adaptações de músicas populares e composições escritas para o grupo.

Regente Daniel Cornejo.

Banda Sinfônica

Criada em 2015, a Banda Sinfônica da Escola de Música de São Paulo nasceu com o intuito de disponibilizar aos alunos da área as experiências indispensáveis advindas da prática de conjunto. Todo um rico e importante repertório está ao alcance dos estudantes de sopros e de percussão, dotando-os de uma paleta variada de vivências específicas da performance em um grupo desta natureza.

Regente Dario Sotelo.

Coro Jovem

A prática coral enriquece a cultura musical dos alunos, e por meio dela conhecem repertório de diversos estilos e épocas. Ao partir dessa premissa, o Coro Jovem da Escola de Música tem como objetivo, além do enriquecimento cultural, proporcionar prática de conjunto aos alunos de canto e também de instrumento, desenvolvendo a escuta de conjunto. Além disso, são igualmente trabalhadas questões como percepção musical, afinação e expressão vocal em grupo, aprimoramento de técnica vocal e solfejo musical.

Regente Maíra Ferreira.

Coro Infantojuvenil

O Coro Infantojuvenil da Escola de Música de São Paulo foi criado durante a gestão de Marisa Fonterrada, coordenadora artística da Escola de 1977 a 1986. Atividade obrigatória para os alunos da Escola Municipal de Música com até 13 anos de idade, a participação no Coro Infantojuvenil objetiva o desenvolvimento de repertório coral adequado à referida faixa etária, além da prática de solfejo e de exercícios técnicos vocais e respiratórios.

Regente Regina Kinjo.

 

Corpo Docente

O corpo docente da Escola de Música de São Paulo oferece ao seus alunos o desenvolvimento de habilidades e competências necessárias para a performance instrumental solista ou em conjunto, além do conhecimento amplo de história e teoria musical.

Quadro Docente da Escola de Música

 

Alunos

Os alunos da Escola de Música de São Paulo podem realizar solicitações de abonos de faltas, atestados de matrícula, histórico escolar e emissão de certificado ou documentos específicos pelo formulário abaixo:

Envio de requerimentos

Para realizar solicitações de cadastro para bilhete de estudante da SPtrans ou EMTU, enviar o pedido, se necessário, anexar documentação necessária para o e-mail escolademusica@prefeitura.sp.gov.br.

Todas estas solicitações também podem ser feitas presencialmente na secretaria da Escola de Música de São Paulo.

 

Equipe

Coordenador Artístico
José Antônio Branco Bernardes

Assistente Artístico
Ricardo Farão

Auxiliar Artístico
Nathan Viana

Auxiliar de Produção
André Nascimento

Produtor de Palco
José Roberto Silva

Inspetora de Alunos
Gabriela Carolina Assunção

Arquivista Musical
Gustavo Andrade

Montador
Vinícios Borges

Estagiários
Alex Amaral
Henri Augusto Bisognini
Melissa de Paiva

 

Fale Conosco

Telefones

(11) 4571-0416 / (11) 4571-0466

E-mail oficial

escolademusica@prefeitura.sp.gov.br

Endereço

Avenida São João, 281. Praça das Artes, Centro Histórico de São Paulo, SP; CEP 01035-000.

 

Perguntas Frequentes

Os cursos da Escola Municipal de Música de São Paulo são gratuitos?

Todos os cursos, incluindo suas oficinas e núcleos de performance são oferecidos gratuitamente para a população.

Como faço para ser aluno?

A Escola abre um processo seletivo anual para seus cursos regulares de formação em instrumento musical e canto lírico. As inscrições ocorrem anualmente nos meses de de setembro a novembro. A Escola abre também, ao longo do ano, inúmeras oficinas e cursos livres.

Como faço para me inscrever?

Todas as inscrições para ingresso na Escola são realizadas no site http://www.theatromunicipal.org.br/, na seção Formação/Escola de Música de São Paulo.

Preciso conhecer música para estudar na Escola?

A escola oferece cursos para todos todos os tipos de alunos, iniciantes e avançados.