Programação gratuita no Theatro Municipal de São Paulo

As séries Happy Hour e Quartas Musicais acontecem no saguão e no salão nobre. Coral Paulistano também se apresenta nas escadarias internas; A entrada é gratuita.

É Grátis! O Theatro Municipal de São Paulo tem uma programação gratuita, sempre às 18h, nas segundas e quartas: são as séries Happy Hour e Quartas Musicais. Serão apresentações de alunos da Escola Municipal de Música de São Paulo e de integrantes da Orquestra Experimental de Repertório que acontecem no saguão ou no salão nobre do prédio histórico.

“O Theatro Municipal é a meca da arte musical erudita do município. Assim, poder se apresentar neste templo da música de concerto, além de agregar importância ao currículo dos jovens artistas selecionados para estas participações, é também uma excelente forma de começarem a se habituar com os desafios e as delícias de pisar no palco do Municipal”, explica o maestro Sergio Chnee que dirige a Escola Municipal de Música de São Paulo.

Na próxima segunda (23), às 18h, um duo de violoncelos, Diego da Costa Alves, aluno do professor Ricardo Fukuda, e Mateus Maldonado, aluno da professora Heloisa Meirelles, se apresentam na série Happy Hour às 18h no saguão do Theatro. Os dois integram a Orquestra Sinfônica Jovem Municipal. No repertório a Suite I e III de Johann Sebastian Bach.

Já na quarta-feira (25), às 18h, é vez da série Quartas Musicais, no Salão Nobre, com apresentações de músicos da Orquestra Experimental de Repertório da Fundação Theatro Municipal de São Paulo. Um quarteto de cordas – Gabriel Mira (violino), Matheus Fernandes (violino), Eder Assunção (viola) e Richard Gonçalves (violoncelo) – irão apresentar o  Quarteto de Cordas n° 14, conhecido como A Morte e a Donzela, de Franz Schubert.

A obra é uma das mais conhecidas do repertório de música de câmara. O conjunto da peça é sombrio, com intensidade no tema “morte”, e reflete o difícil momento em que o compositor vivia, pois se encontrava muito doente.

Neste mesmo programa, os músicos da OER: Larissa Assunção (Flauta), Matheus Fernandes (violino), Eder Assunção (viola) e Richard Gonçalves (violoncelo) se juntam para executar o Quarteto n° 1, de Mozart.

Coral Paulistano no saguão

Ainda na quarta-feira (25), ao meio-dia, o Coral Paulistano executa, gratuitamente, obras de diferentes compositores que utilizaram poemas do espanhol Frederico García Lorca em suas peças. O destaque do programa fica por conta de Romancero Gitano, Op. 152, de Mario Castelnuovo-Tesdesco.  A apresentação acontece na escadarias internas do Theatro Municipal e terá duração aproximada de 30 minutos. Será um ensaio aberto ao público para o concerto de domingo 29, às 16h30, na sala de espetáculos do Theatro Municipal de São Paulo.  

Para todas essas apresentações não será preciso retirar ingresso na bilheteria. As portas do Theatro Municipal estarão abertas. O público deve chegar com até 30 minutos de antecedência.

Mais informações:

A Escola Municipal de Música, a Orquestra Experimental de Repertório e a Escola de Dança de São Paulo fazem parte da Diretoria de Formação da Fundação Theatro Municipal.

Escola Municipal de Música de São Paulo

Uma das mais renomadas instituições de ensino musical da América Latina, a Escola Municipal de Música de São Paulo é responsável pela formação de diversas gerações de músicos em atividade profissional no Brasil e em outras partes do mundo. Fundada em 1969 pelo maestro e compositor Olivier Toni, desde o início de 2013, passou a integrar a Fundação Theatro Municipal de São Paulo. Atualmente é coordenada pelo professor e compositor Antonio Ribeiro e dirigida pelo maestro Sergio Chnee.

Todos os cursos oferecidos pela Escola Municipal de Música de São Paulo são gratuitos e ocorrem na Praça das Artes, centro da capital paulista.

Orquestra Experimental de Repertório

A Orquestra Experimental de Repertório (OER) foi criada em 1990 a partir de um projeto do Maestro Jamil Maluf, e oficializada pela Lei 11.227, de 1992.

A OER tem por objetivos a formação de profissionais de orquestra da mais alta qualidade, a difusão de um repertório abrangente e diversificado, que mostre o extenso alcance da arte sinfônica, bem como a formação de plateias.

Suas várias séries de concertos com renomadas estrelas da música erudita e popular, bem como suas montagens de óperas, balés e gravações para TV, compõem uma programação que, há vários anos, vem conquistando público e crítica.

Entre os vários prêmios que recebeu está o Prêmio Carlos Gomes, como destaque de música erudita.

De 2014 a 2016 a OER foi dirigida pelo Maestro Carlos Moreno, voltando a ter o Maestro Jamil Maluf como seu Regente Titular a partir de 2017, com o Maestro Thiago Tavares, como Regente Associado.

Coral Paulistano

Com a proposta de levar a música brasileira ao Theatro Municipal de São Paulo, em 1936, por iniciativa de Mário de Andrade, foi criado o Coral Paulistano. O então diretor do Departamento Municipal de Cultura queria mostrar à elite paulistana a importância do movimento nacionalista que contagiava os compositores brasileiros da época e que era até então desconhecida.

Marco da história da música em São Paulo, o grupo foi um dos muitos desdobramentos do movimento modernista da Semana de Arte Moderna de 1922. Ao longo de décadas, o grupo esteve sob a orientação de alguns dos mais destacados músicos do nosso país, como Camargo Guarnieri, Fructuoso Vianna, Miguel Arqueróns, Tullio Colacioppo, Abel Rocha, Zwinglio Faustini, Antão Fernandes, Samuel Kerr, Henrique Gregori, Roberto Casemiro, Mara Campos, Tiago Pinheiro, Bruno Greco Facio e Martinho Lutero Galati.

Após sua missão original se perder em anos de decadência, em 2013 o grupo foi novamente fortalecido e revalorizado, passando a se chamar Coral Paulistano Mário de Andrade. Com uma programação extensa de apresentações de música brasileira erudita em diferentes espaços da cidade, renovou seu fôlego e retomou suas atividades resgatando sua autenticidade.

Atualmente o Coral Paulistano  tem como regente titular a maestrina Naomi Munakata e é um dos grupos que integram a Fundação Theatro Municipal de São Paulo, da Secretaria Municipal de Cultura.

 

Serviço:

Segunda, 23/04, às 18h

Happy Hour 4

Theatro Municipal de São Paulo – Saguão

Escola Municipal de Música de São Paulo

Duo de Violoncelos

Diego da Costa Alves e Mateus Maldonado de Souza

Programa:

Suite I e III | JOHANN SEBASTIAN BACH

Entrada gratuita.

Duração: Aproximadamente 30 minutos

Classificação indicativa: livre

Programação sujeita à alterações.

Grátis.

Quarta, 25/04, às 18h

Quartas Musicais 3

Theatro Municipal de São Paulo – Salão Nobre

Quarteto de Cordas| Flauta com trio de cordas

*Músicos da Orquestra Experimental de Repertório

Programa:

Quarteto de cordas nº14 em ré menor D.810, “A Morte e a Donzela”| FRANZ

SCHUBERT.

Músicos:

Gabriel Mira, violino

Matheus Fernandes, violino

Eder Assunção, viola

Richard Gonçalves, violoncelo

 

Programa:

Quarteto nº1 em ré maior, K.285   | WOLFGANG AMADEUS MOZART

Músicos:

Larissa Assunção, flauta

Matheus Fernandes, violino

Eder Assunção, viola

Richard Gonçalves, violoncelo

Duração: Aproximadamente 50 minutos

Classificação indicativa: livre

Programação sujeita à alterações.

Grátis.

Quarta-feira, 25/04, às 12h

Seleção de trechos do concerto em homenagem a Frederico García Lorca

Com Coral Paulistano

Naomi Munakata e Maíra Ferreira – regência

Coral à capela

Theatro Municipal de São Paulo – Saguão

Duração: Aproximadamente 30 minutos

Classificação indicativa: livre

Programação sujeita à alterações.

Grátis.

Theatro Municipal

Praça Ramos de Azevedo, s/nº
Sé - São Paulo, SP
Ver no Mapa
Bilheteria 55 11 3053 2090
Horário de atendimento Segunda a sexta, 10h às 19h
Sábado e domingo, 10h às 17h

Praça das Artes

Avenida São João, 281
Sé - São Paulo, SP
Ver no Mapa
Telefone 55 11 4571 0401
Horário de atendimento 7h às 19h
Patrocínio Séries Óperas Domingo
Bradesco
Patrocínio Séries Óperas Sábado
Santander
Apoio
Arteris
Apoio Cultural
Clube do Assinante Flip Intranet Espaço do Servidor Senac
Gestão
Instituto Odeon
Realização
Prefeitura de São Paulo Fundação Theatro Municipal de São Paulo Ministério da Cultura

Para mais informações sobre patrocínio e parceria contate (11) 3053-2083.

Instituto Odeon

Matriz MG

Rua dos Inconfidentes, 867 - 2º andar
Savassi - Belo Horizonte, MG
CEP 30140-128
CNPJ 02.612.590/0001-39

Filial SP

Praça Ramos de Azevedo, s/nº
Sé - São Paulo, SP
CNPJ 02.612.590/0004-81