Municipal tem espetáculos que unem teatro e música para crianças e concerto da Orquestra Sinfônica com regência de Ligia Amadio

Durante a semana, os destaques são as apresentações do Happy Hour no Municipal e da Quartas Musicais

O Theatro Municipal de São Paulo é das crianças. A Cia. Imago, em parceria com a Orquestra Experimental de Repertório, sob a regência de Jamil Maluf, apresenta dois grandes espetáculos: “Sampa, Cidade Dadá” e “Pedro e o Lobo”, nos próximos dias 30.04 e 1° de maio, ao meio dia. Com direção de Fernando Anhê, as apresentações utilizarão a técnica do “teatro negro” e fazem parte da série Meu Primeiro Municipal. Os ingressos custam R$ 30 (com direito a meia-entrada).

“Sampa, Cidade Dadá” será apresentado pela primeira vez na capital paulista. O espetáculo lança um olhar cênico para a peça “Guia Orquestral para a Juventude”, do britânico Benjamin Britten. A obra tem um caráter pedagógico e permite que o público conheça as diferentes famílias de instrumentos. Enquanto a orquestra toca a peça, o músico Luis Fernando Dutra, que será o narrador, apresenta os instrumentos de madeira, metais, cordas e percussão.

No palco, objetos cênicos representam a identidade da Capital Paulista. Cartões postais da cidade de São Paulo, como o Masp, a Oca do Ibirapuera, o Copan e o Memorial da América Latina criam vida seguindo o andamento da música de Britten.

Toda essa atmosfera paulistana será criada por meio da técnica do teatro negro. Com isso, sob um jogo de luz e sombra, mecanismo em que os manipuladores tornam-se invisíveis ao olhar do espectador, os bonecos e os objetos cênicos vão se mover livremente. Prédios, museus, obras de artes e até mesmo animais aparecem/ desaparecem num piscar de olhos.

Pedro e o Lobo

Ainda nesse universo lúdico, a OER e a Cia. Imago apresentam a fábula musical “Pedro e o Lobo”, do compositor russo Sergei Prokofiev. Também com narração de Luis Fernando Dutra, a composição conta a história do valente Pedro que para proteger os animais tenta capturar um lobo muito feroz.

Também com o objetivo pedagógico, Prokofiev compôs essa obra para mostrar a sonoridade dos diversos instrumentos. Assim, a flauta representa o passarinho; as cordas, Pedro; o som do clarinete é o gato, e a ferocidade do lobo vem das trompas.

No palco do Municipal, os personagens serão encenados por bonecos por meio da técnica do teatro negro. Além disso, a apresentação com truques musicais e cores exuberantes nos cenários torna ainda mais cativante a música de Prokofiev.

Pedro e o Lobo é a peça infantil de maior sucesso da Cia. Imago e já é apresentada há 13 anos. No entanto, em poucas ocasiões a obra foi encenada acompanhada de uma orquestra.

Meu Primeiro Municipal

A série Meu Primeiro Municipal é voltada para o público infanto-juvenil. A programação conta com apresentações de cantores do Opera Studio, que integra a Escola de Música do Theatro Municipal, e dos alunos da Escola de Dança de São Paulo. O programa ainda prevê concertos com a Orquestra Experimental de Repertório – OER.

Concerto

Já na sexta (28), às 20h e no sábado (29), às 16h30, a Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo realiza um concerto, sob a regência da maestrina convidada Ligia Amadio. A última vez em que Amadio regeu a OSM foi em 2 de setembro de 2007.

“Foi assistindo aos ensaios e concertos da Orquestra do Theatro Municipal de São Paulo que eu decidi ser musicista profissional. Além disso, aprendi demasiadamente sobre a técnica de ensaios assistindo aos grandes maestros que atuaram”, comenta Ligia sobre a emoção de voltar a reger a OSM. A maestrina é atualmente diretora artística e regente titular da Orquestra Filarmônica de Montevidéu.

O programa traz obras de Oscar Lorenzo Fernandez, Johannes Brahms, Richard Wagner e Alexander Scriabin. Os ingressos variam de R$35 a R$100, com direito a meia-entrada.

A peça “Reisado do Pastoreio”, de Oscar Lorenzo Fernandes, será apresentada em comemoração aos 120 anos de nascimento do compositor. Considerada a obra de maior sucesso dele, a composição é uma suíte de três partes que contêm o famoso batuque. “Reisado do Pastoreio” encantou renomados maestros, considerados gigantes da regência, como o italiano Arturo Toscanini e o russo Serge Koussevitzky.

O Concerto Duplo para Violino e Violoncelo de Johannes Brahms é uma das obras de maior importância no repertório de concerto internacional. A peça terá como solistas os músicos da OSM: Pablo de León (violino) e Raiff Dantas Barreto (violoncelo).

A segunda parte do concerto será uma amostragem dos diversos estilos românticos, com “Prelude und Liebestod”, de Richard Wagner, da ópera “Tristão e Isolda”, considerada o ápice do repertório operístico do mesmo compositor. E por último “Sinfonia nº 4 – Poème de l’Extase”, de Alexander Scriabin.

Na semana

Durante a semana a programação não para. A série Happy Hour no Municipal que acontece todas as segundas e terças, às 18h, traz apresentações de grandes músicos e grupos convidados. Os ingressos custam R$ 10 (com direito a meia-entrada).

Excepcionalmente na próxima segunda, 1° de maio, não haverá programação do Happy Hour devido ao feriado do Dia do Trabalho. Mas na terça (2), o público poderá aproveitar o recital de piano com o músico Jonatas Braga. O repertório conta com obras de Mozart, Beethoven, Chopin, entre outros.

Um dia depois é a vez da série Quartas Musicais: o Theatro Municipal de São Paulo recebe o violinista Emanuelle Baldini e a pianista Dana Radu. Os ingressos desta série custam sempre R$20, com direito a meia-entrada.

Emmanuele Baldini é italiano, mas reside no Brasil desde 2005. O músico atuou como solista e recitista em todo o mundo. Já fez cinco turnês no Japão, duas nos Estados Unidos e uma na Austrália. Baldini tem mais de 15 gravações em seu nome e quase 40 concertos de violino. Foi violinista da Orquestra do Teatro Comunal de Bolonha, Orquestra do Teatro Scala di Milano, Orquestra do Teatro “Guiseppe Verdi” de Trieste. Atualmente Emmanuele Baldini é spalla da Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo) e fundou o Quarteto da Osesp.

Dana Radu é natural da Romênia, mas reside no Brasil. Apresentou-se como solista e camerista em salas como o Museu George Enescu de Bucareste (capital da Romênia), o Theatro Municipal de São Paulo e o Centro Cultural Banco do Brasil, em São Paulo. Em 2003 e 2004, trabalhou como pianista preparadora no Festival Amazonas de Ópera. Atualmente Dana é pianista correpetidora da Fundação Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo.

 

Serviço:

Concertos Sinfônicos

> Sexta (28.04), às 20h

> Sábado (29.04), às 16h30

Concerto Sinfônico

Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo – OSM

Ligia Amadio, regência

Pablo León, violino

Raiff Dantas Barreto, violoncelo

Programa:

Oscar Lorenzo Fernandez – Reisado do Pastoreio

Johannes Brahms – Concerto Duplo para Violino e Violoncelo, em Lá Maior, Op. 102

Richard Wagner – Prelude und Liebestod

Alexander Scriabin – Sinfonia nº 4 – Poème de l’Extase

Ingressos:
Setor 1: R$100
Setor 2: R$80
Setor 3: R$ 35
(meia-entrada para aposentados, maiores de 60 anos, professores da rede pública e estudantes).
Na bilheteria ou pelo www.compreingressos.com/theatromunicipaldesaopaulo
Capacidade: 1.500 lugares
Duração: aproximadamente 80 min.

 

Meu Primeiro Municipal

> Domingo, 30.04, às 12h

> Segunda, 01.05, às 12h

“Sampa, Cidade Dadá”

Orquestra Experimental de Repertório

Cia. Imago

Jamil Maluf, regência

Fernando Anhê, direção

Luis Fernando Dutra, narração

“Pedro e o Lobo”

Orquestra Experimental de Repertório

Cia. Imago

Jamil Maluf, regência

Fernando Anhê, direção

Luis Fernando Dutra, narração

“Sampa Cidade Dadá”

Benjamin Britten

Guia Orquestral para a Juventude, Op. 34

Duração: aproximadamente 30 minutos

“Pedro e o Lobo”

Sergei Prokofiev

Pedro e o Lobo, Op. 67

Duração: aproximadamente 30 minutos

Ingressos: R$ 30 (meia-entrada para aposentados, maiores de 60 anos, professores da rede pública e estudantes).

Na bilheteria ou pelo www.compreingressos.com/theatromunicipaldesaopaulo

Capacidade: 1.500 lugares

Duração: aproximadamente 60 min.

 

Happy Hour no Municipal

> Terça-feira (2.5), às 18h

Recital de Piano

Theatro Municipal de São Paulo
Jonatas Braga, piano

Programa:
Wolfgang Amadeus Mozart – Fantasia K 397 em ré menor

Van Ludwig Beethoven – Sonata op. 110

Frédéric Chopin – Barcarola op. 60

Maurice Ravel – Pavane pour une infante defunte

Claude Debussy – Reflets dans l’eau, das Images vol. 1

Alban Berg – Sonata op. 1

Ingressos: R$10 (meia-entrada para aposentados, maiores de 60 anos, professores da rede pública e estudantes).
Na bilheteria ou pelo http://www.compreingressos.com/theatromunicipaldesaopaulo
Capacidade: 1.500 lugares
Duração: aproximadamente 60 minutos

 

Quartas Musicais

> Quarta-feira (3.5), às 20h

Quartas Musicais
Emanuelle Baildini, violino

Dana Radu, Piano

Programa:

Antonio Bazzini – Fantasia sobre “La Traviata” de G. Verdi, op. 50

Vaša Prihoda – Valsas de “O cavaleiro da rosa” de R. Strauss

Niccolo’ Paganini – “I Palpiti” (do “Mose” de Rossini)

Jules Massenet – “Meditação” da ópera “Thais”

Camillo Sivori – Fantasia sobre “Un ballo in maschera” de G. Verdi

Fritz Kreisler – “Melodia” da ópera “Orfeu e Eurídice” de Ch. W. Gluck

Ingressos: R$20 (meia-entrada para aposentados, maiores de 60 anos, professores da rede pública e estudantes).
Na bilheteria ou pelo http://www.compreingressos.com/theatromunicipaldesaopaulo
Capacidade: 1.500 lugares
Duração: aproximadamente 60 min.

Theatro Municipal

Praça Ramos de Azevedo, s/nº
Sé - São Paulo, SP
Ver no Mapa
Bilheteria 55 11 3053 2090

Praça das Artes

Avenida São João, 281
Sé - São Paulo, SP
Ver no Mapa
Telefone 55 11 4571 0401
Patrocínio
Bradesco
Apoio
Haitong Qualicorp
Apoio
Intranet Espaço do Servidor
Gestão
Instituto Odeon
Realização
Fundação Theatro Municipal de São Paulo Prefeitura de São Paulo Ministério da Cultura